Estresse e a queda do cabelo

Resultado de imagem para Estresse

Estresse e a queda do cabelo

O estresse pós-traumático é um tipo de transtorno de ansiedade que pode ocorrer depois que uma pessoa tenha presenciado um fato traumático um evento estressante que tenha ameaçado a sua integridade física.
Eventos como ataques terroristas, agressões sexuais, situações de violência podem fazer com que este transtorno aparecer, podendo ter influência no cabelo da pessoa que sofre.
Antes de nos deter em como pode afetar o estresse pós-traumático para a saúde capilar, é importante ressaltar que nem todo o mundo vive um fato deste tipo sofre desse transtorno. Para isso, deve ter outros sintomas como:

– Lembre-se com horror o que aconteceu (através de pensamentos recorrentes sonhos)
– Sofrer de mal-estar psicológico intenso (pensamentos obsessivos, ansiedade, tristeza…)
– Evitar aspectos relacionados com o trauma (se este foi um acidente de carro, a pessoa que o sofrer pode vir a desenvolver medo de subir a um).

Imagem relacionada

A relação entre o estresse pós-traumático e o cabelo é porque é uma situação que pode desencadear o surgimento de sintomas físicos. Alguns deles afetam diretamente o cabelo da pessoa, tornando-o mais frágil, fazendo com que ele se torne cinza.

A fragilidade do cabelo faria com que se quebrara-se com maior facilidade, havendo risco de cair. Não é o mais habitual, mas também poderia acontecer que o cabelo caísse de uma forma muito mais agressiva depois de ter sofrido um trauma. Quando isso acontece, costuma passar em zonas muito localizadas de cabelos que perdem todo o seu cabelo em muito pouco tempo.

Costuma ser comum em pessoas que sofrem de stress pós-traumático ao se referir ao fato que tem motivado o início deste problema como um evento que lhes mudou a vida para sempre. Assim, qualquer sintoma físico que antes não se tivesse poderia reforçar essa visão e complicar muito a recuperação. Cada vez que se olhem no espelho e vejam o dano que causou o estresse, essa idéia se fixaria mais em sua mente, podendo aumentar as lembranças do fato traumático e elevando a ansiedade.

Este último sintoma pode chegar a converter-se em um obstáculo para frear a recuperação psicológica da pessoa que sofre desse tipo de transtorno. Mas se a pessoa que sofre de stress pós-traumático procurar ajuda profissional para tratar seu problema, pode estabilizar o seu humor.
Isso significaria que os sintomas iriam remetendo, inclusive os físicos, como a fragilidade de cabelo e a calvície em zonas localizadas produzida a raiz de sofrer o trauma.

Imagem relacionada
O tratamento do estresse pós-traumático costuma combinar uma série de técnicas psicológicas, como a cognitivo-comportamental (reestruturação cognitiva, relaxamento, exposição a fatos relacionados com o trauma, dessensibilização…), tratamentos farmacológicos e terapias de grupo.
Outras formas de Queda De Cabelo Como Tratar: Além das técnicas psicológicas, pode-se combater o problema com tratamentos cosméticos para cuidar, fortalecer e parar a queda do cabelo, como xampu com vitaminas específicas para o cabelo e extratos de plantas que atrasam e travem o ciclo capilar.

Por exemplo, complementos nutricionais com L-Cistina que reforcem a estrutura do cabelo, loções que incorporam extractos de plantas que atrasam o ciclo capilar, com vasodilatadores que melhoram a microcirculação capilar e com vitaminas específicas para o cabelo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *