30 de julho de 2015

Espetáculo 220 Volts com Paulo Gustavo – Teatro Rio Vermelho


Data: 29 e 30 de Agosto
Local: Teatro Rio Vermelho

As personagens femininas de maior destaque do programa de humor “220 Volts”, exibido pelo canal Multishow, embalam o novo espetáculo, escrito e dirigido por Paulo Gustavo. Depois de percorrer o Brasil com os sucessos “Hiperativo” e “Minha Mãe é uma Peça” – que virou filme ano passado, o ator estará em Goiânia nos dias 29 e 30 de agosto, com a turnê “220 Volts”. O espetáculo será apresentado no Teatro Rio Vermelho.

Universo feminino em pauta – “Ivonete”, “Mulher Feia”, “Senhora dos Absurdos”, “Maria Alice” e “A Famosa” estarão na peça “220 volts”. Através delas é possível identificar todo tipo de mulher que passeia pelo mundo moderno, como a bonitinha carente, a gostosa liberada, a preconceituosa antiquada e machista, a feia com autocrítica, a apresentadora de um programa para mulheres na TV, e a popularíssima mulata classe C. O espetáculo conta com o apoio de atores e bailarinos. A peça “220 volts” tem humor ágil e inteligente, promete muitas risadas.

Serviço:

“220 Volts” com Paulo Gustavo
Datas e horários: sábado, 29 de agosto, às 21:30h / domingo, 30 de julho, às 18h
Ingressos: http://www.compreingressos.com/espetaculos/1872-Paulo-Gustavo-em-220-Volts
Descontos: 50% para pessoas de idade igual ou superior a 60 anos. 50% para estudantes.

Valores dos ingressos:

Plateia Inferior

Setor VIP (Fila de A até M)
R$ 150,00 inteira
R$ 75,00 meia

Setor B (Fila de N até T)
R$ 120,00 intera
R$ 60,00 meia

Plateia Superior

Fila A até Fila F
R$ 100,00 inteira
R$ 50,00 meia

Fila G até Fila J
R$ 50,00 inteira
R$ 25,00 meia

Fonte: Oquerola


Cerrado Mix Festival – Centro Cultural Oscar Niemeyer


Data: 07 e 08 de Agosto
Local: Centro Cultural Oscar Niemeyer
Site: www.facebook.com/cerradomixfestival

07 de Agosto (Sexta)

– Guimê
– Tribo da Periferia
– Ponto de Equilíbrio

08 de Agosto (Sabado)

– Projota
– Flora Matos
– Tropkillaz

Ingressos:

– Pista: R$ 30,00
– Pista Passaporte: R$ 50,00
– Open Bar (Cerveja, água e refri): R$ 60,00
– Open Bar Passaporte (Cerveja, água e refri): R$100,00

Pontos de venda:

– Tribo
– Ambiente Skate Shop
– Underdog
– Lima Limão
– Rival Calçados
– Anápolis: Super X

On line: www.bilheteriadigital.com.br

Inaugurada duplicação de trecho da GO-403


O governador Marconi Perillo inaugurou nesta quinta-feira, dia 30, a duplicação da GO-403, que liga Goiânia a Senador Canedo. Foram construídos 13 quilômetros, obra orçada em R$ 61.6 milhões, com o alargamento da pista em 4,5 metros. Duas pontes foram construídas sobre o Rio Meia Ponte. A rodovia também foi totalmente iluminada e recebeu uma ciclovia devidamente sinalizada. Em discurso, o governador Marconi Perillo informou que no próximo mês será inaugurada a duplicação da GO-020, passando por Bela Vista.

“Temos parcerias em Senador Canedo para todas as áreas. Já entregamos mais de mil casas populares, revertemos R$10 milhões para ampliar o acesso à água tratada, entre outros benefícios”, afirmou o governador.

O prefeito de Senador Canedo, Misael de Oliveira, considerou a reconstrução da rodovia um “marco histórico para toda a região metropolitana”. Segundo ele, a via possibilitará maior segurança, mobilidade e acessibilidade para a população que, diariamente, percorre o trecho rumo à capital. Já o prefeito de Goiânia, Paulo Garcia, considerou duplicação uma obra estruturante e de grande envergadura.

O presidente da Agetop, Jayme Rincon, fez um breve histórico das principais obras entregues pelo atual governo. “Quando entregamos a reconstrução de parte da GO-070 tivemos a impressão que estávamos proporcionando a melhor via aos goianos. Depois vieram a Rodovia dos Romeiros; a GO 040 que passa por Aragoiânia; e agora estamos aqui para a entrega da G0-403, e podemos constatar que temos nos superado a cada nova obra, em termos de qualidade e custos operacionais. Estamos fazendo cada vez mais com menos gastos”, declarou.

Jayme ainda pontuou as próximas obras a serem entregues pelo Governo de Goiás: o Credeq de Aparecida de Goiânia; o Estádio Olímpico; o viaduto da GO-080, na saída para Nerópolis, entre outras. Lembrou que a GO-403 é a rodovia estadual que liga a capital ao maior polo petroquímico do Centro-Oeste, localizado em Senador Canedo. A duplicação coloca a cidade em uma posição privilegiada e favorece a atração de empresas de distribuição e transportadoras, pela infraestrutura rodoviária e facilidade de acesso. A entrega dessa obra é mais um compromisso resgatado pelo Governo de Goiás, de duplicar todas as rodovias estaduais que saem de Goiânia.

Fonte: Goiás Agora


Pela primeira vez em Goiânia o Porsche GT3 Cup Challenge


Corridas da Porsche têm 25 minutos mais uma volta de duração

O Autódromo de Goiânia vai receber amanhã e no sábado o principal evento de Gran Turismo do Brasil há uma década. Pela primeira vez em sua história, a Porsche GT3 Cup Challenge realiza uma etapa na capital goiana, no mesmo dia e local do prólogo e largada promocional do Rally dos Sertões.  As corridas da Porsche têm 25 minutos mais uma volta de duração.

O sábado de corridas terá quatro provas, duas válidas pela Porsche GT3 Cup e duas da Porsche GT3 Challenge. As duas séries competem com o icônico Porsche 911 GT3 Cup, o carro de corrida mais vendido no mundo. Na categoria Cup é utilizada a mais recente geração dos bólidos, chamada “991”, enquanto a Challenge corre com a versão “997 - II”. As principais diferenças são na potência dos propulsores (460 HP na Cup e 450 na Challenge) e o sistema de transmissão (câmbio por paddle shift na Cup e sequencial na Challenge).

Todos os carros são idênticos e preparados pela mesma equipe de mecânicos e engenheiros, o que faz da Porsche GT3 Cup Challenge um evento único no automobilismo brasileiro, onde todos os pilotos são companheiros de equipe.

A sinergia com o Rally dos Sertões não é inédita para a categoria, que ao longo de sua década de competições já compartilhou autódromos com eventos como Fórmula 1 (preliminar do GP Brasil há dez anos), Mundial de Endurance (preliminar das 6 Horas de São Paulo nas três edições da prova) e Stock Car.

Coqueluche do cenário nacional do esporte a motor após recente reforma que o credenciou como um dos principais autódromos do país, o traçado de Goiânia será o 12º palco na história da categoria e agora entra numa lista que inclui pistas de provas internacionais como Interlagos, Barcelona, Estoril e Algarve.

A quinta etapa da temporada promete muita emoção, com os dois campeonatos afunilando. Na categoria Cup, foram sete vencedores em oito corridas em 2015. Mas os quatro bicampeões despontam, todos com mais de cem pontos no campeonato. O destaque é Constantino Jr., campeão no ano passado e atual líder. A seguir vem o ex-F-1 Ricardo Rosset, seguido de Miguel Paludo (que tem no currículo mais de 50 provas na Nascar) e Ricardo Baptista.

Na Challenge os três primeiros colocados estão separados por apenas dois pontos. Elias Azevedo lidera, à frente do atual campeão Fabio Alves e do jovem JP Mauro.

Fonte: Jornal O Hoje


Preço nas usinas não aumentou


Informação do Sifaeg mostra ainda não há explicação plausível para aumento repentino de combustíveis em Goiânia

Uma informação do presidente do Sindicato da Indústria de Fabricação de Etanol do Estado de Goiás (Sifaeg), André Rocha, pode ser uma prova contumaz de que o aumento no preço dos combustíveis adotados pelos postos, que assustou os consumidores na Grande Goiânia, pode ter sido feito sem uma justificativa plausível. Segundo ele, nas usinas não houve nenhum reajuste durante o mês de julho, pelo contrário, ocorreu sim uma queda no preço.

“Temos o acompanhamento do Cepea [Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada] que mostra que na semana do dia 17 de julho o preço [do etanol], sem impostos, estava em 1,067, e na semana do dia 24 de julho estava, sem impostos, estava em 1,063. Então houve uma pequena redução”, salienta o presidente. Além disso, ele diz, que os preços praticados pelas usinas hoje estão menores que os do ano passado para o mesmo período.

Ao ser questionado sobre o que então motivou o aumento do preço nas bombas, Rocha disse que a explicação deveria vir dos postos e distribuidoras. “Posso falar que da usina para a distribuidora -- e nós somos obrigados para vender para as distribuidoras, não podemos vender direto para postos --, não houve aumento”, afirma. “Daí em diante são os demais da cadeia produtiva que precisam dar explicação para o consumidor.”

Essas informações, entre outras, devem ser apresentadas em breve ao titular da Delegacia do Consumidor (Decon), Eduardo Prado, que prometeu intimar o presidente do Sifaeg e do Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo no Estado de Goiás (Sindiposto), José Batista Neto, para apurar o imbróglio envolvendo o aumento dos preços do etanol e da gasolina. Além deles, diversos donos de postos da capital devem ser ouvidos. Os administradores que serão ouvidos são os responsáveis pelos postos em que uma averiguação da Superintendência de Proteção aos Direitos do Consumidor (Procon-GO), divulgada na manhã de ontem, revelou aumento abusivo e injustificado em 72,27% de 102 postos analisados (leia matéria abaixo).

Audiência Pública

Para combater o aumento abusivo e possível caso de cartelização,  o presidente da Comissão de Direitos do Consumidor da Câmara Municipal de Goiânia, vereador Djalma Araújo, presidiu uma audiência pública na tarde de ontem com os representantes dos órgãos fiscalizatórios e investigativos. Estiveram presentes o titular da Decon, Eduardo Prado, o gestor de finanças e controle de pesquisas e cálculo do Procon-GO, Gleidson Tomaz Fernandes, e o integrante da Comissão de Direito do Consumidor da seccional goiana da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-GO), Luiz Fernando Caldas Freitas. O promotor de Justiça Goiamilton Antônio Machado foi convidado para participar da reunião representando o Ministério Público de Goiás (MPGO), mas avisou previamente que não poderia comparecer por estar momentaneamente acumulando funções em duas promotorias diferentes.

Como saldo do encontro, os presentes se comprometeram a unir esforços para lutar pelos direitos do consumidor. “Tiramos daqui uma parceria, o que é o mais importante”, avaliou Djalma. “Se não agirmos em conjunto, nada do que for feito vai adiantar.”

Estranho

O titular da Decon afirmou aque os dados divulgados pelo Procon-GO revelam um aumento que classificou como “muito estranho” por ter ocorrido de forma repentina e aparentemente sem uma justificativa plausível. “Instauramos o inquérito e vamos começar o trabalho investigativo com nossos policiais e nossas equipes para que possamos esclarecer os fatos”, relatou.

O delegado Prado afirma acreditar que há indícios suficientes para se trabalhar com a hipótese de uma formação de cartel. “O fato de ter havido esse alinhamento de preços já demonstra uma cartelização. Se for direto ou indireto, cabe ao Judiciário [julgar]. Mas o aumento foi repentino, de uma hora para a outra, e isso demonstra já a questão da cartelização”, declarou. “O Judiciário entende que tem que provar o prévio acordo, mas isso não é regra. Pelo fato de ter aumentado de uma hora para outra sem justificativa, para mim já demonstra a abusividade”, esclarece.

Fonte: Jornal O Hoje


26 de julho de 2015

Marconi entrega 10 grandes obras em 2015


Após entregar o Hospital de Urgências da Região Noroeste de Goiânia, o Hugol, o governador Marconi Perillo prepara, agora, a inauguração do Centro de Excelência e do Credeq de Aparecida de Goiânia. Governo estima entregar pelo menos dez grandes obras até o final do ano. Investimento supera R$ 100 milhões. Número integra pacote de 14 obras em execução

O governador Marconi Perillo entregará à população goiana, até o final deste ano, 10 grandes obras com investimento aproximado de R$ 100 milhões cada. Elas integram um  pacote de 14 obras executadas pela Agência Goiana de Transportes e Obras (Agetop). O governador Marconi Perillo já entregou três delas e marcou data para a inaguração das outras. Ele determinou à sua equipe agilidade no trabalho para assegurar o cumprimento dos prazos estabelecidos.

A primeira obra entregue foi a pavimentação da GO-230, no trecho entre Goianésia e Rianápolis. Ao custo de R$ 37 milhões, a estrada foi inaugurada no final de junho. Depois, o governador entregou a pavimentação da GO-173, no trecho entre Aruanã e Britânia. O investimento na construção de 38,6 quilômetros do trecho foi de R$ 35 milhões. Em seguida, foi inaugurado o Hospital de Urgências Governador Otávio Lage de Siqueira (Hugol), entregue no último dia 6 deste mês.

Maior hospital da região Centro-Norte do País, o Hugol ocupa 71 mil metros quadrados de área construída. Conta com equipamentos ultramodernos, embarcando tecnologia de ponta. São 510 leitos e um corpo técnico e administrativo de três mil servidores. Foram investidos aproximadamente R$ 168 milhões na obra e cerca de R$ 95 milhões em equipamentos e mobiliários. O custeio mensal do hospital será de R$ 15 milhões.

A duplicação da GO-020, no trecho entre Goiânia e Bela Vista de Goiás, já está com a parte física concluída. A Agetop finaliza apenas a iluminação do trecho, que tem extensão de 47,9 quilômetros e cujo investimento é de aproximadamente R$ 175 milhões. O trecho compreende também uma ciclovia e a ponte sobre o Rio Meia Ponte. Marconi e o presidente da Agetop, Jayme Rincón, afirmaram que a obra será concluída em setembro, quando será entregue aos goianos.

O Centro de Excelência do Esporte será entregue na data do aniversário de Goiânia: 24 de outubro. A obra abrange o Laboratório de Capacitação e Pesquisa, Estádio Olímpico e Parque Aquático. Em vídeo divulgado em seus perfis nas redes sociais no mês passado, Marconi reiterou que trata-se de uma grandiosa obra que poderá comportar eventos variados e servirá também para treinamento dos atletas que participarão das Olimpíadas de 2016, que será sediada no Rio de Janeiro. O investimento é superior a R$ 158 milhões.

O primeiro Centro de Recuperação de Dependentes Químicos (Credeq), que está localizado em Aparecida de Goiânia, será entregue até o final deste ano. Com mais de 10 mil metros de área construída, o Credeq terá dois consultórios de psiquiatria e dois de psicologia; seis consultórios clínicos, salas de desintoxicação e de reanimação, posto de enfermagem, oficinas terapêuticas, dentre outros serviços. O valor da obra ultrapassa R$ 29 milhões. Marconi tem afirmado desde o início da obra que o Credeq será modelo para o País, assim como já é há alguns anos o Centro de Reabilitação e Readaptação Dr. Henrique Santillo (Crer).



Fonte: DM


Avenida Goiás será fechada aos domingos para prática de esportes


Anúncio foi feito pelo prefeito Paulo Garcia durante inauguração de ciclofaixa. Projeto será implantado em 30 dias, espera o petista

O prefeito Paulo Garcia (PT) voltou do encontro com o Papa Francisco no Vaticano decidido a focar nos projetos de sustentabilidade da Prefeitura de Goiânia.

Após inaugurar a primeira ciclofaixa permanente da capital, que liga o Parque Vaca Brava ao Parque Areião, o petista anunciou que fechará a Avenida Goiás aos domingos para a prática de esportes. O projeto, que deve ser implantado em 30 dias, deve proibir o tráfego de veículos entre a Praça Cívica e a Avenida Paranaíba.

“Chegamos a conclusão que não há alternativa para a mobilidade urbana, para melhorar a qualidade de vida das pessoas se você não privilegiar o pedestre, os modais coletivos de transporte e os modais não agressivos  ao meio ambiente, como as bicicletas”, avaliou Paulo Garcia.

Para tanto, a Prefeitura de Goiânia deverá promover restrição de carros na cidade. “É um pensamento único no mundo inteiro”, arrematou o prefeito, que garantiu 140 quilômetros de vias cicláveis até 2016.

Fonte: Jornal O Opção
Foto: Daniel Barros


Ciclofaixas permanentes dos parques Areião e Vaca Brava são implementadas


Prefeitura quer implantar 140 km até 2016

A prefeitura de Goiânia lançou, nesta manhã de domingo (26/7), as ciclofaixas permanentes dos parques Areião e Vaca Brava. Foi a primeira etapa do projeto que visa implementar espaços para os ciclistas em vários parques da cidade. A inauguração da via contou com um passeio ciclístico, do qual o prefeito da Capital, Paulo Garcia, participou.  

A administração municipal pretende implantar 140 quilômetros de rota ciclável até 2016. “Além das ciclovias em andamento, juntamente com as obras dos corredores preferenciais de ônibus, temos a intenção de implantação da ciclorrota - vias geralmente sinalizadas compartilhadas por automóveis, ônibus, motos e bicicletas ao mesmo tempo. O projeto já vem sendo estudado pela SMT”, disse o secretário Andrey Azeredo  

O prefeito informou que dentro do projeto cicloviário da cidade, a ciclovia da Avenida T-7 já está em construção. “Estamos nos preparando para implantar a ciclorrota da Avenida 85 A que liga a Avenida 85 até a T-63”, disse. Ele lembrou que somente nos corredores preferenciais de ônibus, Goiânia terá cerca de 40 quilômetros de trechos cicloviários.  

O projeto da ciclofaixa de lazer é permanente e tem o intuito de educar e conscientizar a população sobre o modal.

Fonte: A Redação


Truck leva mais de 43 mil pessoas na prova de Goiânia


Público presente na quinta etapa da temporada comprova o sucesso da mais popular categoria do automobilismo da América do Sul. Foi uma festa, na pista e nas arquibancadas, realizada na capital de Goiás.

Numa demonstração da paixão dos goianos pelo automobilismo, especialmente pela Fórmula Truck, mais uma vez o Autódromo Ayrton Senna esteve cheio para ver de perto a quinta etapa da temporada, vencida por Felipe Giaffone (Volkswagen Constellation), o líder do Campeonato Brasileiro, seguido por Paulo Salustiano (Mercedes-Benz) e por Leandro Totti (Volkswagen Constellation). Desta vez foram 43.652 torcedores distribuídos entre os vários lances de arquibancadas, as áreas de Paddock e VIPs e o gramado da reta principal, uma tradição dos fãs de Goiânia. E os pilotos deram mais um belíssimo espetáculo para a galera, que vibrou bastante até o final da corrida.

Até agora, em cinco etapas - a sexta será disputada dia 9 de agosto no Autódromo de Santa Cruz do Sul, a média de público da Fórmula Truck continua a mais alta do automobilismo continental: 37.402 pessoas por prova. Como Santa Cruz do Sul é uma importante cidade do Rio Grande do Sul, Estado que tem o maior número de apaixonados por automobilismo no Brasil, é esperado bom público no retorno da categoria.

Venda de ingressos está aberta

Os ingressos para acompanhar a sexta corrida da 20ª temporada da Fórmula Truck, marcada para dia 9 de agosto no Autódromo de Santa Cruz do Sul, em Santa Cruz do Sul, Rio Grande do Sul, podem ser adquiridos através do site www.lojaformulatruck.com.br/loja. As vendas pelo site se encerram na sexta-feira, dia 7 de agosto. Para acompanhar todos os treinos de sexta e sábado e a corrida das arquibancadas o preço é de R$ 35 com direito a um boné oficial da F-Truck, que deverá ser apresentado no domingo junto com o bilhete de entrada. Quem optar por comprar os tickets de arquibancadas nas bilheterias do autódromo entre os dias 7 e 8 de agosto (sexta e sábado) ainda ganha o boné, diferentemente dos que adquirirem somente no domingo (dia 9 de agosto), que não receberão.

Os ingressos de arquibancadas comprados pelo site devem ser retirados na bilheteria a partir das sexta-feira, dia 7 de agosto, mesma data para a retirada das credenciais (Paddock ou VIP), mas no contêiner de credenciamento.

O bilhete de Paddock, ao preço de R$ 160, dá direito de acompanhar treinos e corrida de um local reservado pela organização próximo à área dos boxes, mas sem alimentação. No entanto, no domingo antes da prova, esse bilhete dá acesso à visitação aos boxes, somente para maiores de 16 anos. Além de tudo isso, a cada três ingressos de Paddock adquiridos se recebe uma credencial de estacionamento gratuito na parte interna do autódromo.

A credencial VIP, cujo preço é de R$ 610, dá ao portador acesso ao Camarote VIP da Fórmula Truck, com serviço de buffet incluso somente no domingo (9/8), além de participar da visitação aos boxes. A cada três ingressos VIP adquiridos o comprador tem direito a uma credencial de estacionamento numa área especialmente reservada. As credenciais de Paddock e VIPs podem ser pagas com cartão de crédito ou dinheiro. Tanto em treinos quanto na corrida é obrigatório o uso das credenciais, que devem estar penduradas no pescoço.

Seja nos pontos de venda, situados nos postos Petrobras da região de Goiânia - os locais serão divulgados em alguns dias - ou nas bilheterias do autódromo, a única forma de pagamento é em dinheiro. Para ter direito à meia-entrada, que é vendida somente na bilheteria do autódromo, é preciso apresentar a Carteira de Identificação Estudantil, dentro do prazo de validade, junto com documento de identidade oficial. Terão direito à entrada gratuita na arquibancada, Portadores de Necessidades Especiais (PNE), menores de oito anos, desde que acompanhados dos pais ou responsáveis, portando documentos, e idosos acima dos 60 anos, com Carteira de Identidade. A retirada dos ingressos tem de ser feita somente na bilheteria do autódromo.

É proibido entrar nas arquibancadas portando garrafas e copos de vidro.

Mais informações podem ser obtidas pelo email: ingressos@formulatruck.com.br
Twitter: @Formula_Truck ou pelo telefone: (13) 3299-1144

CALENDÁRIO DE 2015

1º de março - Caruaru (PE)
12 de abril - Campo Grande (MS)
17 de maio - Londrina (PR)
14 de junho - Velopark (RS)
12 de julho - Goiânia (GO)
9 de agosto - Santa Cruz do Sul (RS)
13 de setembro - Curitiba (PR)
4 de outubro - Guaporé (RS)
8 de novembro - Cascavel (PR)
6 de dezembro - São Paulo (SP)

Fonte: Acritica


24 de julho de 2015

Ciclofaixa permanente é implementada em Goiânia


Prefeitura implementará espaço para ciclistas em torno dos parques Areião e Vaca Brava a partir deste domingo, 26. Comunidade poderá utilizar ciclofaixa de lazer entre 7h e 16h

Quem passou pelo Parque Areião, na Alameda Americano do Brasil, nesta quinta-feira, 23, deve ter notado sinalização diferente. É que a Prefeitura de Goiânia, por meio da Secretaria Municipal de Trânsito, Transporte e Mobilidade (SMT), iniciou a implementação do espaço que será reservado aos ciclistas de forma permanente na Capital. A ideia é que os ciclistas possam utilizar espaços semelhantes em todos os parques da cidade. Nesta primeira etapa serão contemplados os parques Areião e Vaca Brava e o espaço poderá ser utilizado já a partir deste domingo, 26. Para celebrar o lançamento do projeto, será realizado um passeio ciclístico com ponto de partida, às 8h, no Parque Areião com trajeto até o Parque Vaca Brava.

Em reunião realizada hoje pela manhã na SMT, o secretário Andrey Azeredo conversou com o presidente da Agência Municipal do Meio Ambiente (AMMA), Nelcivone Melo, a representante do grupo Bike Anjo, arquiteta e urbanista Gabriela Silveira, e os diretores de fiscalização e de engenharia de trânsito e mobilidade do órgão, André Azevedo e Sérgio Bitencourt, para definição de rota do passeio e também sugestões para implementação de ciclovias em Goiânia. “O uso adequado e seguro da bicicleta é questão de política pública da gestão do prefeito Paulo Garcia, que vem mostrando o seu importante trabalho na área de mobilidade na capital”, destaca Azeredo.

A Prefeitura de Goiânia pretende implantar 140 km de rota ciclável até 2016. “Além das ciclovias em andamento, juntamente com as obras dos corredores preferenciais de ônibus, temos a intenção de implantação da ciclorrota - vias geralmente sinalizadas compartilhadas por automóveis, ônibus, motos e bicicletas ao mesmo tempo. O projeto já vem sendo estudado pela SMT”, divulga o secretário.

O projeto da ciclofaixa de lazer é permanente e tem o intuito de educar e conscientizar a população sobre o modal. Gabriela Silveira acredita no projeto das ciclovias que tem sido desenvolvido na capital. “A prefeitura começou a oferecer alternativas de transporte para as pessoas. Inicialmente, é importante que tenhamos possibilidade do uso da bicicleta em vários pontos da cidade e com trajetos diferentes, até mesmo para que os próprios usuários se adaptem melhor e proponham melhoria nos circuitos”, sugere a arquiteta. Segundo ela, as pessoas ainda veem o ciclista como algo incômodo e que não devia estar na via. “Um motorista me disse uma vez que eu não devia estar na via porque corria o risco de morrer. Ao invés de me proporcionar proteção, diminuindo a velocidade e trafegando com distância mínima de segurança para o mais vulnerável, acho que ele preferiria que eu não estivesse lá”, relata.

O ponto de encontro dos ciclístas para o lançamento da ciclofaixa de lazer será na Av. Edmundo Dias com a Av. Areião. Confira, na imagem abaixo, o trajeto do passeio que estará sinalizado com cones e contará com o apoio de agentes de trânsito.

Fonte: Prefeitura de Goiânia